FOTO SALA 1

 

A Santa Casa de Jahu entregou nesta segunda feira, 19 de fevereiro, mais uma etapa de obras que vai otimizar as atividades desenvolvidas no Centro Cirúrgico. Trata-se da Sala de Recuperação, local onde os pacientes ficam em observação após passarem por cirurgia.

 

Segundo o provedor da Santa Casa, Alcides Bernardi Junior, a Sala de Recuperação tinha oito lugares e após as obras de adequação dentro do Centro Cirúrgico passou a contar com onze lugares. Esse novo espaço, aliado a outros fatores, permite que mais cirurgias sejam realizadas. O provedor lembra que o Hospital realiza uma média de novecentos procedimentos cirúrgicos e partos por mês.

 

Há quase três meses o Centro Cirúrgico da Santa Casa de Jahu vinha passando por obras de adequação de seus setores. Uma das mudanças reuniu em uma grande sala o “arsenal” de instrumentos esterilizados, além dos chamados “kits para cirurgia” com todos os materiais já preparados para cada tipo de cirurgia. A partir destas adequações uma nova área ficou disponibilizada para duas novas salas de cirurgia, que deverão entrar em atividade ainda este ano, totalizando dez salas, com espaço inclusive para o uso da robótica nas cirurgias futuramente.  Até o final do ano vai ser trocado também todo o piso do Centro Cirúrgico.

 

Bernardi Junior disse que as obras são constantes. Ele cita a lavanderia do Hospital que está sendo preparada para receber nos próximos dias uma nova lavadora e centrífuga de roupas com capacidade de 120 quilos a cada lavagem. Uma nova secadora de 50 quilos também está chegando, melhorando a capacidade do setor que hoje processa cerca de três mil quilos de roupas por dia.

 

De acordo com o provedor, a Santa Casa de Jahu tem a previsão de receber este ano cerca de  2,5 milhões de reais através de emendas parlamentares, possibilitando a compra de novos equipamentos, entre eles mais seis máquinas para o tratamento de hemodiálise.